segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Um presente doce...

Foi um presente, melhor dizendo, foram doze presentes. Bem embrulhadinhos, em duas caixinhas, ainda quentinhos e maravilhosos - de comer e chorar por mais! Não lhes resisto e venham quantos vierem - vêm por bem! Nem posso contar quantos já comi hoje (já lhes perdi a conta), mas é bem capaz de ser pecado. Estavam prometidos há mais de um mês, mas se a demora paga assim tão bem, para a próxima posso esperar dois meses ou três.



Ana, obrigada pelo presente! Desculpa não te ter dado nenhum, fui um bocadinho egoísta confesso, mas não me mates por isso! Em troca, dedico-te uma música, esperando que gostes.


(Food glorious food)

2 comentários:

av disse...

Obrigada, querida.
Adorei a música - glorious food, indeed!
E cuidado com uma indigestão de travesseiros, que não mata mas mói...
beijinhos

Sofia disse...

Indigestão? Não me parece! Já comi todos... E aqui que ninguém nos ouve, forma nove ao todo!!! Tenho de ver se vou à tua 'terra' fazer novo abastecimento...

beijinhos