quarta-feira, 12 de março de 2008

Se ele vem, eu vou!

Se ele vem, eu vou!


19 de Julho de 2008 - no Passeio Marítimo

Sou apaixonada por esta voz... muito mesmo. Lembra-me sempre um baloiço de jardim e uma voz que o cantava só para mim, em tardes de Primavera, num dormitar ao pôr-do-sol. Lembro-me desta voz vinda de dentro das prateleiras de uma biblioteca, enquanto dançávamos e jogávamos snooker, dando corridas à lareira para nos aquecerermos e voltarmos para dançar mais. Lembra-me os sorrisos, os olhares, de uma noite num quadradinho da minha sala ainda cheia de caixotes, numa longa valsa - momento de perfeita eternidade.

3 comentários:

João Paulo Cardoso disse...

Eu também gosto muito.

Nos anos 80 ficava enfeitiçado com esta música. Podia acabar o mundo porque eu levitava noutra dimensão...

Beijos.

Sofia disse...

Levitar... é isso mesmo que eu vou fazer durante o concerto.
beijinhos

M. disse...

o meu coração falhou uma qualquer batida quando soube ontem que ele vinha. estou lá a levitar tambem. faz-me bem. faz-me mal.faz.me muitas coisas. este senhor mexe comigo ha anos. sonho com isto ha muito tempo.

Dance me through the panic till I'm gathered safely in.