segunda-feira, 31 de março de 2008

Dias felizes


Estive uns dias ausente, a pôr as leituras em dia, a arrumar os papelinhos e papeletes que vou deixando espalhados por aí, com começos de tudo e de nadas e a comer a dose industrial de travesseiros que comprei na sexta-feira. Deu tempo para tudo. Apanhar o sol da manhã de Sábado, dormir a sesta na sombra da tarde, seguida de passeio a ver as pereiras que começam a estar em flor, umas mais precoces do que outras... Ir em buscar do pôr-do-sol e ficar com ele até ao último raio e acabar a dançar toda a noite até ser dia. Dormir até tarde no Domingo, almoçar a ver o rio e o dia a crescer mais do que ontem e acabar a noite nas páginas de um novo livro.


Hoje o dia amanheceu ao sol, de janela aberta a deixar entrar a brisa de uma segunda-feira sorridente e de um sol que se estende por uma tarde que me parece infinita a acabar num passeio pelas colinas de Lisboa. Um sobe e desce para o jardim da Estrela que me viu ser 'menina e moça', a andar de escorrega e a dar beijinhos atrás das árvores.


Dias de sorrisos, de abraços e de um braço a acenar para mim, tão longe e tão perto.

5 comentários:

Maria João disse...

É tão bom ler as tuas palavras positivas!! :)

Cleopatra disse...

Que fim de semana..tão cheio de tudo...do melhor da vida..eu diria!:)
Adorei a tua ultima frase linda!
Beijinho enorme..e gostei muito de falar contigo hoje!;)
Cleo

Sofia disse...

Maria Jo�o, pensamento positivo... sempre!
Um beijinho

Cleo, tamb�m adorei falar contigo! Tens sido uma boa conselheira, a voz da experi�ncia! ;)

Tu sabes do que falo, n�o �?
Um grande beijo

Huckleberry Friend disse...

Linda descrição de dias practically perfect... melhor só mesmo vivê-los! E que fim de tarde o de ontem, com cacilheiros a ir e vir e as luzes da Baixa acendendo-se aos poucos. Do Jardim da Estrela já tenho saudades... a sereia deste cais fica convidada para um giro num destes fins de tarde, com direito a provar um dos novos gelados da Olá ou, se a boca pedir gostos mais salgados, uma empada no Papo-seco. Beijinhos!

Sofia disse...

Olha que agora fiquei com desejos dessas empadas maravilhosas, que foram prato do dia nos tempos do liceu! Uma maravilha mesmo! E os queques com fornada às onze e às cinco! Uma maravilha, temos mesmo de lá ir!

beijos