quarta-feira, 19 de março de 2008

Canção de embalar

Perder-me de cansaço e entregar-me em teu regaço, enquanto me beijas o cabelo de madeixas loiras e me cantas o Lullaby baixinho, devagarinho, como se fosses a melodia de um sonho que se começa a desenhar no inconsciente, onde há um campo verde, muito grande, quase sem fim, um riacho e um céu azul a cobrir a paisagem alada.

6 comentários:

Cleopatra disse...

Ai que saudades eu já tinha de aportar neste teu Cais!
Deixar-me levar ao sabor destas belas palavras que com tanto sentimento e ternura escreves!!!
Tenho saudades de ti linda!!!
Amanhã volto para ler o resto, ok?
Beijinhos..tantos...tantos!
Cleo

João Paulo Cardoso disse...

É só para dizer que já é Páscoa no "Eldorado".

Beijos.

Sofia disse...

Cleo, também tenho saudades, mas tenho tido muito trabalho! A ver se ainda passo lá no Páginas. Um grande beijinho e Boa Páscoa!

JP, então já lá vou ver os ovinhos! Beijos

Sonhadora78 disse...

ragaço ou regaço?

beijo :)

Júlia Moura Lopes disse...

belo!

beijo de Páscoa!

Sofia disse...

Carol, regaço, claro!
beijos

JML, obrigada e Boa Páscoa também para ti.
beijinhos